Physical Address

304 North Cardinal St.
Dorchester Center, MA 02124

Bolsa Família: É possível solicitar empréstimo recebendo beneficio

Neste post, falaremos sobre modalidades de empréstimo que beneficiarios do Bolsa família podem contratar.

Publicidade

O programa Bolsa Família, criado pelo Governo Federal, visa auxiliar financeiramente famílias em situação de pobreza e extrema pobreza no Brasil.

Com o passar do tempo, surgiram algumas modalidades de crédito específicas que consideram os beneficiários desse programa. Se você é beneficiário do Bolsa Família e está considerando a possibilidade de obter um empréstimo, veja a seguir quem tem direito e o passo a passo para contratá-lo:

Quem Tem Direito ao Empréstimo?

O empréstimo para beneficiários do Bolsa Família não é garantido apenas pelo fato de se receber o benefício. No entanto, algumas instituições financeiras entendem que, por existir uma renda garantida, mesmo que mínima, há uma certa segurança em ofertar amodalidade a esses beneficiários.

  1. Histórico de Pagamento: Mesmo recebendo o Bolsa Família, a análise de crédito é feita considerando o histórico financeiro do solicitante. Portanto, ter um bom histórico de pagamentos anteriores é essencial.
  2. Valor do Empréstimo: Em geral, os valores disponibilizados são mais baixos, condizentes com a realidade financeira do solicitante.

Passo a Passo para Contratação:

  1. Pesquisa: Antes de solicitar, é crucial pesquisar as instituições financeiras que oferecem essa modalidade de crédito. Compare taxas de juros, condições de pagamento e reputação da instituição.
  2. Documentação: Tenha em mãos os documentos pessoais como RG, CPF, comprovante de residência e, claro, o comprovante de recebimento do Bolsa Família.
  3. Solicitação: Dirija-se à instituição financeira escolhida e faça a solicitação. Alguns bancos e financeiras já permitem a solicitação online. Um exemplo de empréstimo que pode ser contratado mesmo recebendo o Bolsa Família, é o Empréstimo Caixa Tem. Para mais informações sobre como contrata-lo, Clique Aqui.
  4. Análise de Crédito: A instituição irá analisar seu pedido, que inclui a verificação de seu histórico financeiro e confirmação de sua elegibilidade.
  5. Assinatura do Contrato: Após aprovação, você deverá ler atentamente o contrato, certificando-se de todas as cláusulas, principalmente em relação às taxas de juros e condições de pagamento.
  6. Recebimento do Valor: Uma vez assinado o contrato, o valor do empréstimo será depositado na conta bancária indicada no processo.

Considerações Finais:

Antes de contratar um empréstimo, mesmo sendo beneficiário do Bolsa Família, é essencial avaliar a real necessidade desse crédito e sua capacidade de pagamento. Dívidas podem se acumular rapidamente, levando a uma situação financeira ainda mais complicada. Portanto, é sempre recomendável buscar orientação financeira e ponderar sobre a decisão.

Lembre-se de que o Bolsa Família é um programa de auxílio temporário e que o empréstimo deverá ser pago independentemente da continuidade ou não do benefício. Seja prudente e consciente ao tomar decisões financeiras.

Gostou do conteúdo? Acesse nossa categoria Noticias para mais posts como esse!

Aguarde um instante…