Physical Address

304 North Cardinal St.
Dorchester Center, MA 02124

Peugeot no Brasil: Conheça a historia

Saiba como a montadora de veículos Peugeot chegou no nosso país e conheça um pouco mais da sua trajetória por aqui.

Publicidade

A Peugeot é uma das marcas automotivas mais renomadas do mundo, com uma história de mais de 200 anos de inovação e sucesso. No Brasil, sua historia começou em 1992, quando a empresa francesa decidiu entrar no mercado automotivo brasileiro.

Chegada da montadora no Brasil

A Peugeot chegou ao Brasil em um momento difícil para o mercado automotivo do país, que estava passando por uma crise econômica. No entanto, a empresa francesa apostou no potencial do mercado brasileiro e começou a produzir carros em sua fábrica em Porto Real, no estado do Rio de Janeiro.

Os carros da Peugeot no Brasil

O primeiro modelo produzido pela marca no Brasil foi o 205, um hatchback compacto que foi lançado em 1994. O carro foi um sucesso imediato, conquistando os consumidores brasileiros com seu design elegante e moderno, além de sua performance excepcional.

Nos anos seguintes, a Peugeot lançou vários outros modelos no mercado brasileiro, vamos lista-los abaixo:

306

Este modelo foi introduzido no mercado brasileiro em 1994. O carro chegou ao Brasil como um hatchback de 3 portas, e em 1995, a versão sedã de 4 portas foi lançada.

O 306 foi projetado para competir com outros carros compactos populares no Brasil, como o Volkswagen Golf e o Ford Escort. O carro oferecia uma combinação de estilo elegante, desempenho excepcional e tecnologia avançada.

O modelo 306 era equipado com um motor a gasolina de 1,8 litros, capaz de produzir até 110 cavalos de potência. O carro também apresentava suspensão independente nas quatro rodas, o que proporcionava um excelente desempenho de direção e manobrabilidade.

Uma das principais características do Peugeot 306 era seu design elegante e moderno. O carro apresentava linhas suaves e arredondadas, que o diferenciavam dos outros carros compactos da época. O interior do carro também era espaçoso e bem equipado, oferecendo uma ampla gama de recursos de conforto e conveniência.

O 306 foi um sucesso imediato no mercado brasileiro, ganhando vários prêmios por seu design e desempenho. Em 1995, o carro foi eleito o “Carro do Ano” pela revista Autoesporte, uma das principais publicações automotivas do Brasil.

No entanto, o Peugeot 306 teve uma vida útil relativamente curta no Brasil. A produção do carro foi interrompida em 2001, quando a Peugeot decidiu se concentrar em outros modelos mais recentes. Mesmo assim, o Peugeot 306 deixou uma marca significativa no mercado automotivo brasileiro, sendo lembrado até hoje como um dos carros mais elegantes e bem-sucedidos da Peugeot no Brasil.

307

O Peugeot 307 foi um modelo importante para a marca francesa no Brasil, sendo lançado em 2002 como sucessor do bem-sucedido modelo 306. O carro foi produzido em Porto Real, no estado do Rio de Janeiro, e foi um dos modelos mais populares da marca no país.

O Peugeot 307 foi projetado com um design moderno e elegante, com linhas aerodinâmicas e detalhes cromados. O carro também foi equipado com tecnologia avançada, incluindo uma tela sensível ao toque com navegação integrada e um sistema de som de alta qualidade.

O modelo foi oferecido em várias versões, incluindo o hatchback de três portas, o hatchback de cinco portas, a perua e o sedã. O Peugeot 307 também foi oferecido com uma ampla gama de opções de motores, incluindo motores a gasolina e diesel.

No entanto, o Peugeot 307 não foi isento de problemas. Em 2006, a marca francesa teve que fazer um recall no Brasil devido a um problema no tanque de combustível, que poderia causar vazamentos e incêndios. Além disso, o carro enfrentou forte concorrência no mercado brasileiro de outros modelos, como o Volkswagen Golf e o Ford Focus.

Em 2008, a Peugeot lançou uma versão atualizada do Peugeot 307 no Brasil, com um design mais refinado e melhorias na tecnologia. No entanto, o modelo ainda lutou para competir no mercado brasileiro e, em 2011, a Peugeot anunciou que iria parar a produção do Peugeot 307 em Porto Real, concentrando suas operações no Brasil na importação de carros fabricados na Europa.

Hoje, o Peugeot 307 é considerado um carro clássico entre os fãs da marca francesa no Brasil. Embora tenha enfrentado desafios em sua história, o carro deixou sua marca no mercado automotivo brasileiro e continua a ser lembrado por muitos como um modelo icônico da Peugeot.

408

O Peugeot 408 é um sedan médio que foi lançado no mercado brasileiro em 2011. O carro foi desenvolvido pela montadora para substituir o Peugeot 307 Sedan e concorrer com outros sedans médios populares no Brasil, como o Toyota Corolla, o Honda Civic e o Volkswagen Jetta.

O 408 foi lançado no Brasil em duas versões de motorização: um motor 2.0 litros flex e um motor 1.6 litros THP a gasolina, que oferece uma performance mais esportiva e um alto nível de tecnologia. O carro também apresentava um design elegante e moderno, com linhas aerodinâmicas e uma ampla gama de equipamentos de segurança e tecnologia.

Ao longo dos anos, o Peugeot 408 passou por várias atualizações e mudanças. Em 2014, a Peugeot lançou uma nova versão do carro com um design renovado, novos equipamentos de segurança e tecnologia, e uma nova motorização 1.6 THP Flex, que oferecia maior economia de combustível.

No entanto, o Peugeot 408 nunca alcançou o sucesso de vendas que a Peugeot esperava no mercado brasileiro. O carro enfrentou forte concorrência de outros sedans médios no mercado, além de desafios internos na própria Peugeot, como a falta de investimento em marketing e vendas.

Em 2017, a Peugeot decidiu descontinuar a produção do Peugeot 408 no Brasil, encerrando assim a história do carro no mercado brasileiro. No entanto, o Peugeot 408 ainda é valorizado por muitos fãs da marca, que apreciam seu design elegante, performance ágil e tecnologia avançada.

508

O Peugeot 508 é um sedã de médio porte que foi lançado pela primeira vez em 2010 na Europa como sucessor do Peugeot 407. No Brasil, o modelo foi lançado em 2011 como parte da estratégia da Peugeot para consolidar sua posição no segmento de carros de luxo no país.

O Peugeot 508 foi um carro muito bem recebido pelos consumidores brasileiros, que apreciaram seu design elegante, interior sofisticado e performance excepcional. O modelo foi lançado em duas versões: Griffe e Allure. A versão Griffe era a mais luxuosa e vinha equipada com uma ampla variedade de recursos, incluindo bancos de couro, ar condicionado dual-zone, sistema de som premium e teto solar panorâmico.

O Peugeot 508 também oferecia um motor turbo a gasolina de 1,6 litros que produzia 165 cavalos de potência e um torque de 24,5 kgfm, oferecendo uma performance ágil e suave. A transmissão era automática de seis velocidades com paddle shifts para mudanças manuais.

Em 2015, a Peugeot lançou uma nova versão do 508 no Brasil, com algumas atualizações de design e tecnologia. A nova versão vinha com faróis diurnos de LED, novas rodas de liga leve de 17 polegadas e uma tela sensível ao toque de 7 polegadas com navegação integrada.

No entanto, em 2017, a Peugeot anunciou que iria interromper a produção do Peugeot 508 no Brasil, como parte de uma reestruturação de suas operações no país. A empresa optou por concentrar sua produção na fábrica em Porto Real, no Rio de Janeiro, em modelos que tinham uma demanda maior no mercado brasileiro.

Apesar de sua breve passagem pelo mercado brasileiro, o Peugeot 508 deixou uma marca duradoura como um dos sedãs mais elegantes e sofisticados em sua categoria. A combinação de design elegante, interior luxuoso e performance excepcional fez com que o modelo fosse altamente valorizado pelos consumidores brasileiros que apreciam carros de alto desempenho e sofisticação.

A empresa também produziu carros em parceria com outras montadoras, como a Citroën e a Mitsubishi.

Problemas enfrentados

No entanto, apesar de sua presença no mercado brasileiro, a Peugeot enfrentou muitos desafios ao longo dos anos. A empresa lutou para se adaptar às mudanças no mercado brasileiro, incluindo a crescente demanda por carros populares e a concorrência acirrada de outras montadoras.

Em 2014, a Peugeot anunciou que iria parar a produção de carros em sua fábrica em Porto Real, concentrando suas operações no Brasil na importação de carros fabricados na Europa. No entanto, a empresa continuou a investir no mercado brasileiro, lançando novos modelos e expandindo sua rede de concessionárias em todo o país.

Hoje, a Peugeot é uma das marcas automotivas mais reconhecidas no Brasil, oferecendo uma ampla variedade de modelos para atender às necessidades de diferentes consumidores. A empresa também tem um forte compromisso com a inovação e a sustentabilidade, desenvolvendo tecnologias avançadas para reduzir as emissões de carbono e melhorar a eficiência de combustível de seus carros.

Em resumo, a história da Peugeot no Brasil é uma história de inovação, perseverança e compromisso com o mercado brasileiro. Apesar dos desafios que enfrentou ao longo dos anos, a empresa continua a ser uma das líderes do mercado automotivo brasileiro, oferecendo carros de alta qualidade e tecnologia avançada para seus clientes em todo o país.

Gostou do conteúdo? acesse nossa categoria de Automóveis para mais historias sobre as marcas no Brasil!

Aguarde um instante…