Physical Address

304 North Cardinal St.
Dorchester Center, MA 02124

Energia solar: Brasil ocupa 8º lugar mundial na geração de energia.

Confira abaixo um pouco sobre como o brasil alcançou a 8° posição no Ranking de Geração de energia Solar!

Publicidade

Nos últimos anos, o Brasil vem ganhando destaque no cenário mundial quando se trata de produção de energia solar. Segundo dados da Agência Internacional de Energia (IEA), o país se tornou o 8º maior gerador de energia solar do mundo, com capacidade instalada de cerca de 7,5 gigawatts (GW) em 2021.

Este tipo de energia é uma fonte de energia renovável e limpa, que utiliza a radiação solar para gerar eletricidade. No Brasil, o potencial para geração de energia solar é enorme, especialmente nas regiões Nordeste e Centro-Oeste, que apresentam altos índices de radiação solar durante o ano todo.

O Governo e a Energia

Para impulsionar o setor, o governo brasileiro tem investido em políticas públicas e incentivos fiscais para a produção de energia proveniente do sol. Em 2020, foi lançado o Programa Casa Verde e Amarela, que inclui a instalação de painéis solares em residências de baixa renda. Além disso, a Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) implementou um sistema de compensação de energia elétrica, que permite aos consumidores que geram energia solar em excesso, vender o excedente para a rede elétrica.

De acordo com a Absolar (Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica), o Brasil alcançou uma posição significativa na lista dos dez maiores geradores de energia solar no mundo pela primeira vez. A classificação é baseada na potência total acumulada até o final de 2022, com o país atingindo um bom resultado devido aos 10 GW adicionados no último ano.

O setor de energia proveniente do sol no Brasil atraiu mais de R$ 45,7 bilhões em novos investimentos em 2022, um aumento de 64% em relação a 2021. Esses dados incluem a soma da potência gerada , grandes usinas solares e dos sistemas de geração própria de pequeno e médio portes, como instalações em telhados e fachadas de edifícios.

É importante destacar que a China lidera o ranking com 392 GW. Abaixo do país, estão EUA (111GW), Japão (78,8GW), Alemanha (66,5GW), Índia (62,8GW), Austrália (26,7GW) e Itália (25GW)

De acordo com informações divulgadas pela Absolar, a energia solar ganhou destaque no cenário energético nacional, tornando-se a segunda fonte de energia mais utilizada em janeiro deste ano. O Brasil conta com um total de 26 GW de capacidade instalada em operação, o que representa um investimento de mais de R$ 128,5 bilhões. Além disso, desde o ano de 2012, o setor já acumula a criação de mais de 783,7 mil postos de trabalho, evidenciando sua crescente importância na economia do país.

Energia Solar em Expansão no Brasil

A geração de energia proveniente de fontes renováveis teve um significativo aumento no ano de 2022. Conforme dados divulgados pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), o país apresentou um crescimento de 8.235,1 megawatts (MW) no ano passado, sendo esta a segunda maior expansão já registrada, ficando atrás somente dos 9.528 MW obtidos em 2016.

Apenas as fontes de energia eólica e solar foram responsáveis por 2.922,5 MW e 2.677,3 MW, respectivamente. A geração de energia por meio de usinas termelétricas movidas a biomassa representou 904,9 MW. As usinas termelétricas que utilizam combustíveis fósseis contribuíram com 1.355,7 MW. Por fim, a geração de energia a partir de centrais hidrelétricas somou 374,6 MW. Este é um total de geração de energia elétrica, com cada fonte desempenhando um papel importante na produção de eletricidade.

A instalação de usinas fotovoltaicas de pequeno a grande porte tem sido cada vez mais incentivada economicamente, impulsionando a expansão da energia solar no país. Em 2022, o Brasil experimentou um aumento significativo de 60% na sua capacidade instalada de energia solar. Além disso, o ritmo de crescimento mensal tem sido impressionante, com cerca de 1 GW adicionado nos últimos meses.

Para mais noticias relacionadas ao nosso país, acesse nossa categoria Noticias.

Aguarde um instante…