Physical Address

304 North Cardinal St.
Dorchester Center, MA 02124

Assassin’s Creed: Conheça a historia da franquia

assim como Metal Gear (conheça a historia da franquia clicando no nome), Assassin’s Creed foi um dos jogos que revolucionariam a mecânica stealth. Conheça um pouco mais sobre os jogos da franquia.

Publicidade

A franquia Assassin’s Creed é uma série de videogames de ação e aventura desenvolvida e publicada pela Ubisoft. A série começou em 2007 com o lançamento de Assassin’s Creed e, desde então, se expandiu para incluir uma série de jogos principais, spin-offs, livros, quadrinhos e até mesmo um filme. A franquia é conhecida por seu enredo envolvente, cenários históricos detalhados e jogabilidade furtiva e de parkour.

A premissa central da série gira em torno do conflito entre duas sociedades secretas, os Assassinos e os Templários, que lutam através da história pelo controle do destino da humanidade. Os jogadores assumem o papel de personagens que são descendentes dos Assassinos e revivem as memórias de seus ancestrais através de um dispositivo chamado Animus. A trama é contada tanto no passado, através das ações dos Assassinos, quanto no presente, onde os personagens modernos buscam desvendar os segredos deixados por seus ancestrais.

O primeiro jogo, Assassin’s Creed (2007), apresenta o protagonista Desmond Miles, que é sequestrado pela empresa Abstergo Industries e forçado a reviver as memórias de seu ancestral, Altair Ibn-La’Ahad, um assassino durante a Terceira Cruzada no século XII. O jogo foi elogiado por seu enredo intrigante, ambiente histórico rico e jogabilidade inovadora, que combinava elementos de ação, furtividade e parkour.

Assassin’s Creed II (2009) é a sequência do primeiro jogo e segue a história de Ezio Auditore da Firenze, um jovem nobre italiano que se torna um assassino após a traição e execução de sua família. O jogo se passa durante o Renascimento italiano e apresenta uma série de personagens e eventos históricos, incluindo Leonardo da Vinci, que se torna um aliado e amigo de Ezio. Assassin’s Creed II foi aclamado pela crítica e pelos jogadores, que elogiaram suas melhorias na jogabilidade, história e ambientação.

A série continuou com Assassin’s Creed: Brotherhood (2010) e Assassin’s Creed: Revelations (2011), que completaram a história de Ezio Auditore. Brotherhood expandiu a jogabilidade ao permitir que os jogadores recrutassem e treinassem outros assassinos, enquanto Revelations apresentava um envelhecido Ezio em busca das respostas deixadas por Altair.

Assassin’s Creed III (2012) trouxe uma mudança de cenário, levando os jogadores para a América colonial durante a Revolução Americana. O protagonista, Connor Kenway, é um assassino mestiço de origem britânica e nativa americana que luta contra os Templários enquanto se envolve em eventos históricos. O jogo introduziu novos elementos de jogabilidade, como a navegação e a caça, e apresentou uma série de figuras históricas, como George Washington e Benjamin Franklin.

Assassin’s Creed IV: Black Flag (2013) levou a série para o Caribe durante a era dourada da pirataria. Os jogadores assumem o papel de Edward Kenway, um pirata que se torna um assassino, enquanto exploram um mundo aberto cheio de ilhas, cidades e tesouros escondidos. O jogo expandiu a jogabilidade naval introduzida em Assassin’s Creed III, permitindo que os jogadores navegassem e lutassem com navios piratas no mar.

Assassin’s Creed: Unity (2014) se passa durante a Revolução Francesa e segue a história de Arno Dorian, um jovem assassino que busca redenção e justiça em meio ao caos político e social. O jogo foi elogiado por sua recriação detalhada de Paris e pelos avanços na jogabilidade, mas também enfrentou críticas devido a problemas técnicos e de desempenho no lançamento.

Assassin’s Creed: Syndicate (2015) é ambientado na Londres da era vitoriana e apresenta os gêmeos Jacob e Evie Frye, que lutam para libertar a cidade do controle dos Templários e das gangues criminosas. O jogo introduziu um sistema de combate aprimorado e a capacidade de alternar entre os dois personagens principais.

A série deu uma pausa em 2016 e retornou em 2017 com Assassin’s Creed: Origins, que explora o início da Irmandade dos Assassinos no Egito Antigo. O jogo segue Bayek, um Medjay que se torna um assassino, enquanto desvenda uma conspiração envolvendo o faraó e os Templários. Origins foi elogiado por sua reformulação da jogabilidade, incluindo a introdução de elementos de RPG e um novo sistema de combate.

Assassin’s Creed: Odyssey (2018) se passa na Grécia Antiga durante a Guerra do Peloponeso e permite aos jogadores escolher entre dois personagens, Alexios ou Kassandra, descendentes do lendário guerreiro espartano Leonidas. O jogo expandiu ainda mais os elementos de RPG introduzidos em Origins e ofereceu uma história ramificada com múltiplos finais, dependendo das escolhas do jogador.

O título mais recente da série principal, Assassin’s Creed: Valhalla (2020), leva os jogadores à era dos vikings, assumindo o papel de Eivor, um guerreiro viking que lidera seu povo na invasão da Inglaterra anglo-saxã. O jogo apresenta um mundo aberto vasto e detalhado, com elementos de exploração, combate e construção de assentamentos.

Além dos jogos principais, a franquia Assassin’s Creed inclui uma série de spin-offs, como Assassin’s Creed: Liberation, Assassin’s Creed Chronicles e Assassin’s Creed: Rebellion, bem como romances, quadrinhos e um filme de 2016 estrelado por Michael Fassbender.

Ao longo dos anos, a franquia Assassin’s Creed se tornou uma das mais populares e bem-sucedidas na indústria dos videogames. A série é elogiada por sua capacidade de transportar os jogadores para épocas e locais históricos diferentes, permitindo que experimentem eventos e interajam com figuras famosas de uma maneira única e envolvente. Ao mesmo tempo, a jogabilidade evoluiu e se expandiu ao longo dos anos, mantendo a série fresca e emocionante para os jogadores.

Apesar das críticas ocasionais em relação à fórmula de jogabilidade e lançamentos anuais, a franquia Assassin’s Creed continua a atrair milhões de fãs em todo o mundo e a influenciar a indústria dos videogames como um todo. A capacidade da série de reinventar-se e adaptar-se às tendências e demandas do mercado é um testemunho de seu sucesso contínuo e duradouro.

A franquia também aborda temas complexos, como a natureza do livre arbítrio, a luta pelo poder e a manipulação da história, oferecendo uma narrativa intrigante e reflexiva. A série também explora questões filosóficas e morais através de suas histórias e personagens, proporcionando aos jogadores uma experiência mais profunda e significativa.

A popularidade da franquia Assassin’s Creed também se estende além dos videogames, com uma presença marcante em outras mídias, como livros e quadrinhos. Essas histórias expandem o universo da série e aprofundam a mitologia e os personagens, permitindo que os fãs se envolvam ainda mais com o mundo dos Assassinos e Templários.

O sucesso da série também levou a uma adaptação cinematográfica em 2016, estrelada por Michael Fassbender como Callum Lynch, um descendente de Assassinos que revivem as memórias de seu ancestral Aguilar de Nerha durante a Inquisição Espanhola. Embora o filme tenha recebido críticas mistas, ele demonstra a ambição da franquia em se expandir além dos videogames e alcançar um público mais amplo.

A franquia Assassin’s Creed tem um impacto duradouro e significativo no mundo dos videogames, estabelecendo-se como uma das séries de ação e aventura mais icônicas e influentes da indústria. Ao combinar jogabilidade envolvente, histórias ricas e ambientes históricos imersivos, a série capturou a imaginação de milhões de jogadores em todo o mundo.

À medida que a franquia continua a evoluir e a expandir-se, é provável que Assassin’s Creed continue a desafiar as expectativas dos jogadores e a oferecer experiências únicas e memoráveis. Com um futuro promissor e um legado impressionante, a franquia Assassin’s Creed permanece como um marco importante na história dos videogames e uma inspiração para desenvolvedores e jogadores em todo o mundo.

Aguarde um instante…